sábado, 21 de junho de 2014

Coisas do pensamento

Coisas do pensamento

Invasor é o pensamento, acomete e dispara
Não quer saber se é aceito, empurra a porta
E é tão  mágico; é incidência bastante rara
E faz a gente viajar e a nossa alma entorta.

Um sonhar acordado com uma ampla visão
Tem a pureza de anjo e malícia de demônio
Causa-nos um ser feliz palpitando  coração
É algo bem real que desfecha  o neurônio.

Institui circunstâncias, e nos teletransporta
É tão intenso que quase tem cheiro e sabor 
Se a gente fechar os olhos há toque de calor.

E o pensamento entra e a nossa tez ele corta
Rasgam em prazer seus devaneios e loucura
Tira nossos pés do chão e ergue-os  à altura.

ღRaquel Ordonesღ
Uberlândia MG  21/06/14


2 comentários:

  1. Muito legal o soneto, lindas palavras, parabéns.

    http://palavrasmaisrimas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir